27 outubro 2011

Jaqueline visita Palmeiras e seleção

Num dia, Jaqueline visitou seu time do coração. No outro, o último treino da seleção feminina

Fonte: Saque Viagem/Globoesporte


Jaque visita Palmeiras e encontra Marcos e Felipão


Embora seja do Recife, Jaqueline tem como time do coração uma equipe de São Paulo, o Palmeiras. E na tarde desta quarta-feira (26), a jogadora do Sollys/Nestlé visitou a Academia de Futebol do Verdão, conheceu os ídolos Felipão e Marcos e ainda ganhou uma camisa personalizada com seu nome e com o número 12, pertencente ao goleiro. 



"É uma emoção muito grande, pois nunca tinha pisado dentro de um clube de futebol e eu sempre fui palmeirense de coração, mesmo tendo nascido em Recife", revelou a jogadora, que lamentou a má fase vivida pelo time. "É uma pena que o time esteja atravessando esse momento, mas vim trazer energias positivas e sei que vamos sair dessa situação", afirmou Jaque.


Após realizar o sonho de conhecer um clube de futebol e os ídolos do time de coração, Jaque projeta dar mais um passo nesse mundo futebolístico. Agora, ela quer ir ao estádio acompanhar um jogo de pertinho. "Jamais fui a um estádio de futebol e quero muito acompanhar um jogo do Palmeiras", finalizou a ponteira.




"Que homenagem linda que o Palmeiras acabou de fazer para mim. Obrigada Felipão e Marcos pelo carinho" – escreveu Jaqueline no Twitter com a foto ao lado

Jaque visita último treino da seleção feminina

(Foto: Vicente Condorelli / CBV)

No último treino da seleção feminina antes da viagem ao Japão, onde será disputada a Copa do Mundo, uma visita inesperada interrompeu as atividades comandadas por José Roberto Guimarães em São Paulo. Mas o treinador pouco se importou. Assim como as jogadoras, também parou o que estava fazendo quando viu Jaqueline entrando no ginásio.


A pernambucana sofreu uma lesão na coluna cervical no duelo de estreia do Brasil no Pan de Guadalajara e retornou ao Brasil antes do fim da competição. Na noite desta quarta-feira, a atleta quis se despedir das amigas, já que não tem previsão de retorno às quadras foi cortada do torneio.

(Foto: Vicente Condorelli / CBV)

- Quero desejar uma boa sorte para as meninas. A Copa do Mundo é o campeonato mais importante do ano e vale uma vaga nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. Confio muito no grupo brasileiro e tenho certeza que elas vão conseguir a classificação. Vou torcer muito daqui – disse.